depois | © Artéria depois | © Artéria depois | © Artéria antes | © Artéria antes | © Artéria antes | © Artéria depois | © Artéria depois | © Artéria antes | © Artéria antes | © Artéria antes| © Artéria depois | © Artéria depois | © Artéria depois | © Artéria antes | © Artéria antes | © Rua das Gaivotas 6 antes | © Rua das Gaivotas 6 antes | © Artéria depois | © Artéria

RUA DAS GAIVOTAS 6 //Teatro Praga

Equipamento Cultural
Palácio Alarcão - Santos | 2013-2015

Palácio. Escola. Sindicato. Teatro.

A parceria entre o Teatro Praga e o atelier Artéria para reabilitar o espaço do Palácio Alarcão nasce como resposta ao concurso de concessão da Escola das Gaivotas promovido pelo Departamento de Acção Cultural da Câmara Municipal de Lisboa. A intenção de resgatar a escala do palácio, removendo a compartimentação de usos mais recentes, nasce com a proposta vencedora deste concurso em 2013. O projecto teve várias versões que abriram a discussão sobre a implementação de um espaço teatral no interior de um palácio. Como resultado desse processo projectámos um espaço de criação que bebe da riqueza espacial do palácio posto a descoberto e, que se articula na sucessão de salas comunicantes que permitem acolher ocupações de várias escalas. O processo incluiu um serviço educativo de arquitectura com duas turmas do 4ºano da actual Escola EB1 das Gaivotas [2013-2014] e a presença no Open Office – Fórum Novos Públicos da Trienal de Arquitectura de Lisboa 2014. A obra de reabilitação foi iniciada em outubro de 2014, foi faseada e com custos controlados, dotando o espaço das infraestruturas técnicas essenciais, entre as quais, a sala principal equipada com uma teia teatral que permite a apresentação de espectáculos. Abre-se agora ao público um espaço de experimentação teatral, cujo uso informará a fase que se segue e completará a proposta increvendo-a no panorama cultural da cidade.

A Rua das Gaivotas 6 quer ser um polo cultural enraizado no território potenciando um clima favorável à coesão social, ao empreendedorismo e à iniciativa local, contribuindo para uma imagem positiva do eixo Rua de S. Paulo, como organismo regenerador e programador de actividades culturais enquanto motor de novas dinâmicas sociais, urbanísticas e económicas. Insere-se numa premissa de regeneração urbana através da implementação de espaços culturais e foi a proposta vencedora do concurso público para a concessão do espaço da antiga Escola das Gaivotas - o Palácio Alarcão, um edifício situado na esquina entre a Rua das Gaivotas e a Rua da Boavista.


Arquitectura/Coordenação do Projecto/Gestão da Obra:
Ana Jara, Lucinda Correia
Arquitectura/Colaboradores: Macário Freitas- coordenador, 
Ana Branco, Ana Maria Martins, Andrea Bergamini, Carla Lopes,
Carmen Balsa, 
Cláudia Martins, Francesco Ghidoni, Joana Grilo,
José Luis Jiménez, 
Mariana Martins, Rosa Arma
Estruturas: Fernando Alves - Quadrifunção
Electrotecnia: Luis Beirão
Estudo de Luminotecnia/Teia: Daniel Worm D'Assumpção
Segurança Contra Risco de IncêndioJosé Fonseca
Serviço Educativo DNA/GAIVOTAS - Conceito/Coordenação: Lucinda Correia
Serviço Educativo DNA/GAIVOTAS - Colaboração: Joana Grilo, Susana Soares
Dono de Obra: TEATRO PRAGA
Área de Intervenção: 510m2
Localização: Santos
Ano de Construção/Época: Séc. XVII
Construção: Campo Neutro Lda, Valentin Ospishchev 
Carpintarias: João Simões Lda
Electricidade: A. S. Pinheiro Lda
Serralharias: Inox do Meco Lda
Parceiros: OLD SCHOOL, OS FILHOS DE LUMIÈRE, 
PROJECTO ULISSES, COLECTIVO MENTE, 
HORTA SECA ASSOCIAÇÃO CULTURAL, MUSA PARADISÍACA
Apoios: Programa BIP/ZIP - Parcerias Locais [PLH], 
Câmara Municipal de Lisboa [CML], Departamento de Acção Cultural [DAC]
Agradecimentos: Alda Goes; Ana Silva Dias; Catarina Morais; Elizabeth Gomes; Fátima Pires; Fernando Alves; Fernando Soares; Isabel Fins; Jaquim Araújo; João Guimarães; João Mourão; João Reis; João Simões; Maria Antónia Victória; Marta Cabrita; Marta Loja Neves; Miguel Brito; Patrícia Piedade; Paulo Borges; Paulo Cabrito; Pedro Bastos; Roman Bogonis; Rosário Simões; Valentin Ospishchev; Sofia Batista; Yonas-Yonel Tihulca